Tanques se aproximam da tribo mais ameaçada do mundo

O Exército Brasileiro lançou uma operação para parar o desmatamento ilegal em torno da terra da tribo mais ameaçada do mundo.

O Exército Brasileiro lançou uma operação para parar o desmatamento ilegal em torno da terra da tribo mais ameaçada do mundo.

© Exército Brasileiro

Survival International tem recebido relatos que o Exército Brasileiro iniciou uma grande operação terrestre contra madeireiros ilegais que estão operando em torno da terra dos Awá, a tribo mais ameaçada do mundo.

Centenas de soldados, policiais e agentes especiais do Ministério do Meio Ambiente penetraram a região, com o apoio de tanques, helicópteros e aproximadamente cem outros veículos, para parar o desmatamento ilegal que já tem destruído mais de 30% de um dos territórios indígenas dos Awá.

Relata-se que a operação começou no final de junho de 2013. Desde então, pelo menos oito serrarias foram fechadas e outros equipamentos foram confiscados e destruídos.

Pequena Borboleta, uma menina Awá. Os Awá têm implorado que todos os invasores ilegais sejam retirados da sua floresta.

Pequena Borboleta, uma menina Awá. Os Awá têm implorado que todos os invasores ilegais sejam retirados da sua floresta.

© Sarah Shenker/Survival

A operação chega em um momento crítico para os Awá, uma das últimas tribos caçadores-coletores nômades da Amazônia brasileira. Os Awá estão em risco de extinção se a destruição de sua floresta não for parada urgentemente.

Mas enquanto a operação está tornando mais difícil a entrada dos madeireiros no território dos Awá, e a remoção da madeira valiosa, as forças não entraram na terra Awá em si – onde o desmatamento ilegal ocorre a um ritmo alarmante e onde ação rápida é crucial.

O Amiri Awá disse à Survival, ‘Os invasores devem ser removidos da nossa floresta. Os madeireiros já destruíram muitas áreas; nós não queremos que eles acabem com toda nossa floresta.’

Tanques, helicópteros e aproximadamente cem outros veículos foram mandados para proteger a floresta.

Tanques, helicópteros e aproximadamente cem outros veículos foram mandados para proteger a floresta.

© Maycon Alves

Dezenas de milhares de pessoas no mundo, incluindo muitas celebridades, se uniram à campanha da Survival International instando que o governo brasileiro envie forças para dentro dos territórios dos Awá a fim de expulsar os invasores ilegais, parar o desmatamento da floresta dos índios, processar os invasores ilegais e impedir que eles entrem novamente na área.

O diretor da Survival, Stephen Corry, disse hoje, ‘O Brasil deu um primeiro passo promissor para salvar a tribo mais ameaçada do mundo, graças às milhares de pessoas no mundo que apoiam os Awá. Isto prova que a opinião pública pode causar mudanças. Contudo, a batalha não está vencida ainda: as autoridades não devem parar até que todos os invasores tenham saído’.