O que Jair Bolsonaro, Presidente-eleito, disse sobre os povos indígenas do Brasil

 
Jair Bolsonaro já fez muitos comentários racistas e ofensivos sobre os povos indígenas do Brasil, durante um longo período de tempo.

Jair Bolsonaro, um político nacionalista de extrema-direita, é Presidente do Brasil desde o 1º de Janeiro de 2019.

Um ex-capitão do Exército, ele já fez muitos comentários racistas e ofensivos sobre os povos indígenas do Brasil, durante um longo período de tempo. Abaixo seguem alguns destes comentários:


Sobre exterminar os “índios”

“Pena que a cavalaria brasileira não tenha sido tão eficiente quanto a americana, que exterminou os índios”

Correio Braziliense, 12 Abril 1998

© Survival



Comentários racistas

“Os índios não falam nossa língua, não têm dinheiro, não têm cultura. São povos nativos. Como eles conseguem ter 13% do território nacional”

Campo Grande News, 22 Abril 2015


Sobre indígenas serem um obstáculo à mineração e ao agronegócio

“Não tem terra indígena onde não têm minerais. Ouro, estanho e magnésio estão nessas terras, especialmente na Amazônia, a área mais rica do mundo. Não entro nessa balela de defender terra pra índio”

Campo Grande News, 22 Abril 2015

“[reservas indígenas] sufocam o agronegócio. No Brasil não se consegue diminuir um metro quadrado de terra indígena”

Campo Grande News, 22 Abril 2015



Sobre a demarcação de terras indígenas

“Eu já briguei com o Jarbas Passarinho [ex-Ministro da Justiça] aqui dentro. Briguei em um crime de lesa-Pátria que ele cometeu ao demarcar a reserva Ianomâmi. Criminoso.”

Entrevista com Marcelo Godoy, 2 Abril 2017

“Não vai ter um centímetro demarcado para reserva indígena ou para quilombola”

Clube Hebraica, Rio de Janeiro, 3 Abril 2017

“Pode ter certeza que se eu chegar lá (Presidência da República) não vai ter dinheiro pra ONG. Se depender de mim, todo cidadão vai ter uma arma de fogo dentro de casa. Não vai ter um centímetro demarcado para reserva indígena ou para quilombola.”

Estadão, 3 Abril 2017

“Se eu assumir [a Presidência do Brasil] não terá mais um centímetro para terra indígena”

Dourados, Mato Grosso do Sul, 8 Fevereiro 2018

Ele posteriormente se corrigiu, e afirmou que quis dizer “nem um milímetro” em entrevista com Globo News, 3 Agosto 2018 (01:23:30)

“essa política unilateral de demarcar a terra indígena por parte do Executivo vai deixar de existir, a reserva que eu puder diminuir o tamanho dela eu farei isso aí. É uma briga muito grande que você vai brigar com a ONU”

Video pelo Correio do Estado, 10 Junho 2016


Sobre abolir terras indígenas já demarcadas

“Em 2019 vamos desmarcar [a reserva indígena] Raposa Serra do Sol. Vamos dar fuzil e armas a todos os fazendeiros”

No Congresso, publicado em 21 Janeiro 2016


Sobre integrar indígenas forçadamente

“Vamos integrá-los à sociedade. Como o Exército faz um trabalho maravilhoso tocante a isso, incorporando índios, tá certo, às Forças Armadas”

Globo News, 3 Agosto 2018 (1:25:33)


Sobre desmantelar a FUNAI (Fundação Nacional do Índio)

“Se eleito eu vou dar uma foiçada na FUNAI, mas uma foiçada no pescoço. Não tem outro caminho. Não serve mais.”

Espírito Santo, 1 Agosto 2018, mencionado no site Indigenistas Associados

© Survival