Terminologia

Existe uma enorme variedade de termos usados para descrever os povos que comumente chamamos de ‘tribos’ ou ‘povos indígenas’. Todos eles são problemáticos; nenhum é completamente satisfatório:

Um povo

A chave para entender ‘indígena’ e ‘tribal’ é saber o que é um ‘povo’. Um povo é uma sociedade identificável distinta. Usamos a palavra ‘povo’ com frequência para nos referir a uma nação – os escoceses sao um povo assim como os marroquinos. Entretanto, geralmente há muitos povos diferentes existentes dentro de um mesmo país.

A população mundial está dividida entre inúmeros povos, cada um com suas próprias características particulares – ou ‘marcadores’ – que sinalizam pertença. Um dos marcadores mais óbvios é uma língua e uma identidade compartilhada.

Indígena

O termo ‘indígena’ vem do latim assim como as palavras ‘genêro’, ‘genitais’, ‘geração’ e ‘Genesis’. Em outras palavras, ela está relacionada com o nascimento, a reprodução e a descendência. Isto significa o mesmo que ‘nativo’, mas em muitos lugares esta palavra não é mais usada porque carrega muitas associações coloniais negativas.

Os povos indígenas são os descendentes daqueles que estavam lá antes dos outros, que constituem hoje a sociedade dominante. Eles são definidos em parte por descendência, em parte, pelas características particulares que indicam a sua distinção frente aqueles que chegaram depois, tal como suas línguas e modos de vida, e em parte por sua própria visão de si mesmos.

Nenhuma categorização dos povos indígenas é absoluta, exceto, talvez, quando se trata de um questão de controle. Em geral, o termo ‘povo indígena’ hoje é usado para descrever um grupo que teve o controle sobre suas terras tomado pelos que chegaram depois; eles estão sujeitos à dominação dos outros. Usado neste sentido, a descendência é menos importante do que a percepção política.

Note que nem todos os povos indígenas são tribais: os Quechua e Aymara dos Andes, por exemplo, formam o que poderia ser melhor descrito como um campesinato indígena, sendo a maioria da população rural e agrária no Equador, Peru e Bolívia, e muitas vezes integrados à economia nacional.

Tribo

Uma tribo é um povo distinto, dependente de sua terra para sua sobrevivência, em grande parte auto-suficiente, e não integrado na sociedade nacional.

Estima-se que tem 150 milhões de indivíduos tribais em todo o mundo, constituindo cerca de 40% dos indivíduos indígenas. Entretanto, embora quase todas as tribos também sejam indígenas, há algumas que não são indígenas das áreas onde eles vivem hoje.

É importante fazer a distinção entre tribal e indígena porque as tribos têm um status especial reconhecido no direito internacional, bem como problemas além daqueles enfrentados pela categoria mais ampla de povos indígenas.

Isolados

Povos que não têm nenhum contato pacífico com ninguem na sociedade dominante. Existem mais de cem tribos isoladas ao redor do mundo.

Alguns termos referindo-se a lugares específicos:

Aborígene, Autóctone, Nativo

Todos esses três termos são sinônimos de indígena.

‘Aborígene’ é mais comumente usado para se referir aos povos indígenas da Austrália.

‘Autóctone’ é raramente usado fora da Índia, onde é aplicado principalmente para os povos das Ilhas Andaman e Nicobar.

‘Nativo’ é obsoleto em muitos lugares devido às suas conotações coloniais. É, no entanto, frequentemente usado para se referir aos povos indígenas no Canadá e nos EUA, utilizado pelos próprios indígenas.

Adivasi

A maior concentração de povos indígenas no mundo se encontra na Índia, onde eles constituem cerca de 9% da população. ‘Adivasi’ é um termo usado para muitas das centenas de tribos da Índia.

Ameríndio

Qualquer membro dos povos indígenas das Américas. Não costuma ser utilizado pelos próprios indígenas, sendo mais restrito aos círculos acadêmicos.

Basarwa

Significa ‘Bosquímano’ na língua Setswana de Botswana. (O termo ‘San’ não é usado em Botswana.) ‘Basarwa’ é pejorativo.

Bosquímanos

Este é um termo coletivo para descrever as centenas, provavelmente milhares, de tribos que eram os únicos habitantes do sul da África até a chegada de um maior número de povos vindos do norte. Há muitos grupos diferentes de bosquímanos, cada um com uma língua distinta, e, portanto, um nome diferente para si. Como resultado, não há um consenso sobre um termo genérico para esses povos. Não há, de fato, um único termo que se refira a todas as tribos bosquímanos que não seja pejorativo.

O termo vem dos termos holandês/afrikaans ‘Bosjemans’ ou ‘Bossiesmans’, que significam ‘bandido’ ou ‘fora da lei’, que vem sendo usado desde a década de 1680. Apenas muito mais tarde o seu significado ficou restrito ao povo que, hoje, chamamos de bosquímanos.

Esquimós

Um termo originalmente usado para descrever os Inuit. Na raíz da rejeição original de ‘Esquimó’ era a ideia de que o nome era depreciativo.

Índio

Aplica-se neste contexto aos povos indígenas das Américas. O termo é resultado da crença equivocada de que Colombo havia chegado às Índias, quando na verdade havia chegado às Américas. Apesar do equívoco, e de em alguns contextos a palavra ‘índio’ ter conotações pejorativas, ela continua sendo utilizada inclusive por vários povos indígenas nas Amerícas, particularmente no Brasil e nos Estados Unidos.

Inuit

Inuit é o termo mais usado hoje em dia para os povos originalmente chamados de ‘Esquimó’. Inuit é empregado como um nome para si próprio na maior parte do Ártico, embora não seja muito usado nem no Alasca nem na Sibéria, em parte porque uma definição mais técnica dos Inuit exclui alguns outros indígenas do Alasca.

Negro Asiático

Um termo coletivo para se referir às tribos de pele negra da Ásia, que às vezes, são descritos pelos antropólogos como ‘negritos’, em língua inglesa.

Pele Vermelha

Quase nunca utilizado pelos próprios povos, tem hoje em dia uma conotação racista e é melhor evitá-lo.

Pigmeu

Termo genérico que se refere comumente aos vários povos de caçadores-coletores da Bacia do Congo e da África Central, com altura abaixo da média. São geralmente considerados como os povos indígenas da região. Embora o termo seja considerado pejorativo por alguns, como acontece com os bosquímanos, não existe um único termo para descrever todos os diferentes povos pigmeus e algumas comunidades optam por usá-lo para se referir a si mesmos. ‘Pigmeu’ também tem sido usado para descrever algumas tribos de Negros Asiáticos, mas neste contexto poder ser pejorativo.

Primeiras Nações

Termo usado no Canadá para descrever os povos indígenas deste país.

San

Uma palavra usada especialmente por antropólogos desde a década de 1970 para evitar o menosprezo e o sexismo implícito do inglês ‘Bushman’ (‘bosquímano’). Infelizmente, este termo também é considerado pejorativo.

Modos de vida:

Agricultura de Coivara

Agricultura de coivara, também conhecida como agricultura itinerante, refere-se a uma técnica de cultivo de rotação em que a terra é desmatada para o cultivo (normalmente por queimada) e depois é deixada para se regenerar depois de alguns anos. Governos do mundo inteiro têm tentado por muito tempo erradicar a agricultura de coivara, devido a crença equivocada de que incentiva o desmatamento.

Caçador-coletor

Tribos de caçadores-coletores encontram comida caçando animais selvagens, incluindo peixes, e coletando plantas que crescem, em sua maior parte, ‘naturalmente’, sem serem cultivadas. Entretanto, nenhuma definição de modo de vida é absoluta: caçadores-coletores podem encorajar o cultivo de plantas úteis perto de onde eles vivem, e algumas tribos de caçadores-coletores também criam alguns animais.

Nômade/Semi-nômade

Estes termos visam definir a quantidade de tempo que uma tribo permanece em um lugar antes de se mudar: os povos semi-nômades mudam com menos frequência do que os nômades. As mudanças dos povos nômades podem aparecer aleatórias para os de fora, mas eles não vagam sem rumo. Velhos acampamentos são revisitados, e muitas vezes seguem um ciclo sazonal de movimento que aproveita os recursos disponíveis em diferentes épocas do ano. As tribos sabem exatamente onde eles estão em relação aos marcos naturais.

Povos pastores

Normalmente, vivem em grande parte de produtos derivados de leite e carne proveniente de seus animais. Povos pastores são, geralmente, descritos como ‘nômades’ ou ‘semi-nômades’.

Outros termos:

Antigo/Arcaico

Estes termos são frequentemente aplicados para os povos indígenas, às vezes, até mesmo por seus apoiadores. Na verdade, eles querem dizer ‘de um passado distante’ e assim, erroneamente sugerem que os povos indígenas continuam os mesmos. Na realidade, todas as sociedades estão em constante mudança, apesar de obviamente não mudarem sempre no mesmo sentido. Obviamente, as tribos vivem no mesmo tempo que todos as outras pessoas, e não são ‘atrasados’. Dizer que são ‘atrasados’ levanta estereótipos racistas e depreciativos que faz tempo têm sido usados para justificar a sua destruição.

Cultura

Ambos os termos ‘cultura’ e ‘tradicional’ são carregados de preconceito – eles são muitas vezes usados para descrever algo que é estático e imutável, e assim, as vezes apontam para o passado. Embora cultura é muitas vezes caracterizada como algo retrógrado e superficial, na verdade é simplesmente o comportamento junto com características que fazem um povo diferente do outro. Da mesma forma que todos os povos mudam constantemente, assim acontece com as culturas e tradições. Às vezes, essas mudanças são visíveis e rápidas, outras vezes e em alguns lugares as diferenças são mais discretas ou lentas.

Idade de Pedra

A Idade da Pedra é um termo usado pelos historiadores para descrever um periodo pré-histórico, antes da Idade do Bronze. Assim, descrever qualquer povo contemporâneo como da ‘Idade da Pedra’ implica que eles são representantes de um estágio anterior de desenvolvimento da humanidade. Essa ideia é equivocada, pois todas as sociedades estão em constante mudança. O termo também é perigoso (ver ‘primitivos’).

Mesmo se o termo se restringisse ao significado ‘uso de ferramentas de pedra’ seria redundante. Nenhuma tribo conhecida no mundo hoje usa exclusivamente ferramentas de pedra: todas têm acesso a ferramentas de metal, por exemplo, através das trocas inter-tribais.

Não há tribos da Idade da Pedra vivendo no século XXI.

Moderno/Modernidade

‘Moderno’ ou ‘modernidade’ é tudo aquilo que está relacionado ao que é recente e atual. Muitas vezes a ‘modernidade’ é confundida com a industrialização. Como tribos existem no século XXI, no aqui e agora, elas são tão atuais e ‘modernas’ como as sociedades industrializadas. Afirmações como ‘A tribo Ayoreo ficou frente a frente com o mundo moderno’ são, portanto, equivocadas: eles próprios fazem parte do mundo moderno!

Primitivo

Não é mais aceitável descrever qualquer povo como ‘primitivo’, um termo racista que tem sido usado para se referir aos povos indígenas desde a época colonial. Descrever tribos como ‘primitivas’ sugere que eles são ‘atrasadas’ e isso tem implicações reais e perigosas para o seu bem-estar. Governos exploram regularmente a falsa noção de que as tribos são ‘primitivas’, a fim de removê-los de suas terras e abri-las para os de fora, assim liberando o acesso a seus recursos naturais.